Você está Aqui: Início

Campeonato Brasileiro – Theo Salomão é o campeão da Cadete

E-mail Imprimir PDF

( 3 Votos )

Prova Final, definidora do título da Cadete, foi marcada por belíssimo duelo pela vitória com Yuri Morelli

Nos treinos livres oficiais o domínio do goiano Theo Salomão foi absoluto, fechando os dois dias de prática no alto da lista de tempos, mas na hora da tomada de tempos classificatórios o piloto da Russo Racing não conseguiu fazer uma “volta limpa”, por conta do tráfego e acabou sendo dois décimos de segundo “mais lento” que o mato-grossense Francisco Camilo, que cravou a posição de honra da categoria. Com isso Salomão ficou com a P5 do grid, ou seja, abrindo a terceira fila do partidor.

A primeira prova classificatória foi vencida pelo paulista voador, Yuri Morelli, que como Salomão era um dos mais “cotados” para a conquista do título de 2020 na endiabrada Cadete. Salomão ficou com a P2, cruzando a linha de chegada seis décimos de segundo do para-choques do #27 de Morelli. Felipe Vriesman, outro bota de primeira linha, ficou em terceiro, com Christian Mosimann em quarto e Davi Alkmin na P5.

A segunda classificatória teve vitória de Theo Salomão, com Morelli tendo problemas e terminando na P7. A segunda posição da classificatória ficou com Augustus Toniolo, Francisco Neto terminou na P3, Gabriel Ribeiro foi o quarto e Felipe fechou o quinteto violado.

E na terceira classificatória, cuja pontuação definiria o grid da grande Final consagradora, a vitória ficou nas mãos do paranaense Felipe Vriesman. Gabriel Ribeiro chegou em segundo, seguido por Christian Mosimann e Augustus Toniolo. Morelli teve novamente problemas com seu desempenho e completou a prova na P6.

Como era esperado por todos, a Final da Cadete foi de arrepiar e muito movimentada, com o pole position Salomão liderando e Yuri Morelli em segundo, dando pinta que a briga seria entre eles. Mas Davi Alkmin e Felipe Vriesman seguiam a dupla de liderança de perto e também queriam fazer parte da festa.

O ápice da corrida ficou para suas voltas finais, quando a disputa recrudesceu entre Salomão e Moreli, que conseguiu a ultrapassagem e a ponta da corrida. Ambos já estavam destacados do restante do pelotão, desde que Vriesman e Alkmin se tocaram e acabaram fora da corrida (e da disputa pelo título). Com o duelo “hard” entre os dois ponteiros e franco favoritos ao título, o restante dos pelotão foi descontando a diferença, até chegar e encostar da dupla cimeira. No calor do combate Morelli e Salomão se tocaram várias vezes, até que Morelli acabou perdendo rendimento após um toque com a lateral de Salomão e, consequentemente, perdendo posições.

Com isso Guilherme Moleiro e Christian Mosimann chegaram definitivamente e fizeram a volta final dispostos a tomar a dianteira de Theo Salomão, que desfiou todo um longo rosário de belíssimas defesas. Salomão brandiu legitimamente sua espada e contornou a Curva do Macário com seus algozes infernizado, para adentrarem à reta final quase lado a lado...

Bandeira a quadros nas mãos de Bruno Barônio, que a descerrou em um reverente balé ao campeão, que acabou cristalizado no goiano Theo Salomão, vencedor por ínfimos 0s207 marcados pelo transponder da Cronoello.

Para quem assistia a impressão foi de o tempo parar e o mundo girar apenas em quadro a quadro. Levou uma verdadeira eternidade para o kartódromo inteiro gritar e saudar o novel Campeão Brasileiro de Kart da Cadete. Imagino, claro, que mais tempo ainda levou o coração do pai de Theo Salomão entender que a justiça tinha sido feita e seu filho era meeesmo o campeão. Justiça Salomônica, claro...

Guilherme Moleiro, foi o vice-campeão, seguido pelo barriga-verde Christian Mosimann em terceiro. A quarta colocação ficou com outro goiano, Gabriel Ribeiro e Matheus Fortunato completou o pódio da categoria, chegando na quinta colocação.

Morelli, pena, nem ao pódio foi, pois cruzou a linha de chegada na sexta posição.

 

FINAL – PCK:

1) 51-THEO SALOMÃO (FAUGO),
2) 6-GUILHERME MOLEIRO (FPRA), a 0.207
3) 277-CHRISTIAN MOSIMANN (FAUESC), a 0.629
4) 18-GABRIEL RIBEIRO (FAUGO), a 0.845
5) 59-MATHEUS M. FORTUNATO (FAERJ), a 1.146
6) 27-YURI Y. MORELLI PEREIRA (FASP), a 1.302
7) 22-AUGUSTO TONIOLO (FGA), a 11.322
8) 728-ALEXANDRE LEAL FILHO (FPEA), a 11.762
9) 11-REGYS R. G. DE MATOS Fo (FAEMT), a 11.856
10) 33-VICTOR GARGALAC TIERI (FASP), a 13.411
11) 99-FRANCISCO NETO CAMILO (FAEMT), a 15.568
12) 111-AUGUSTUS TONIOLO (FAUESC), a 16.283
13) 221-THOMAZ B. FERREIRA (FASP), a 16.373
14) 88-BERNARDO GENTIL (FADF), a 16.380
15) 91-MIGUEL E. S. GAZZINEO (FASP), a 16.503
16) 116-PABLO HATTORI RODRIGUES (FAUGO), a 16.935
17) 195-JOÃO HENNIES ALÉCIO (FASP), a 17.135
18) 86-VINICIUS SOUZA FERRO (FASP), a 17.200
19) 19-VINÍCIUS EDUARDO MARTINS (FPRA), a 17.209
20) 81-LEONARDO A. RAMIRES (FASP), a 17.980
21) 89-HENRIQUE S. GOTTEMS (FASP), a 18.040
22) 628-MATHEUS REBOUÇAS (FPARN), a 25.062
23) 40-JOSÉ ARAGÃO FREITAS (FSA), a 27.809
24) 24-GIOVANA K. MARINOSKI (FPRA), a 31.793
25) 101-JOAO PEDRO PEREIRA (FAUESC), a 31.929
26) 7-CAIO WALNIER ZORZETTO (FPRA), a 53.327
27) 357-VICTOR GIL (FAUGO), a 1 volta
28) 25-ELI PERES STEINBRUCH (FASP), a 3 voltas
29) 44-ARTUR BESSA MOTTA (FAUESC), a 3 voltas
30) 1-FILIPE VRIESMAN (FPRA), a 8 voltas
31) 32-DAVI JOANNY F. ALKMIN (FPRA), a 9 voltas
32) 106-SAMUEL SIDNEI SANTIAGO (FASP), a 10 voltas
Melhor volta: GUILHERME MOLEIRO ( 6), 59.122 , 10ª volta

Última atualização ( Seg, 14 de Dezembro de 2020 17:27 )  

Adicionar comentário

Todos os Comentários enviados estão sujeitos a aprovação pelos administradores do site Planet Kart para a sua publicação.
O Planet Kart reserva-se ao direito de modificar ou excluir quaisquer trechos que eventualmente possam ferir a ética e os bons costumes , assim como denegrir a imagem de terceiros.
Os comentários publicados não necessariamente refletem os ideais do Planet Kart , e são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores.
Para ter seu AVATAR exibido , inscreva-se no serviço www.gravatar.com (é gratuito)


Código de segurança
Atualizar